- Notícias

07/02/2018 – MP apreende documentos e prende chefe do setor de licitação em Ivaiporã

TN Online
Ivan Maldonado

O Ministério Público do Paraná (MP/PR) investiga denúncias de supostas irregularidades no setor de licitação Prefeitura de Ivaiporã. Ontem (6) foi cumprido um mandado de busca e apreensão no setor. Foram apreendidos diversos processos licitatórios dos últimos dois anos, e o servidor responsável pela pasta acabou sendo detido temporariamente.

De acordo com o promotor Cleverson Leonardo Tozatte a operação realizada faz parte de um Processo Investigatório Criminal (PIC) que verifica denuncias de supostas irregularidades. “Há cerca de cinco meses, recebemos denuncias de alguns empresários sobre uma possível situação de fraude, superfaturamento e até favorecimento a um determinado grupo de pessoas. Disso, resultou num PIC que está correndo na promotoria e pode envolver até um desdobramento de ação civil pública lá na frente”, relata.

Ainda segundo o promotor, a apreensão temporária de cinco dias do servidor público Sirineu Silva foi necessária para que não houvesse interferência na analise das documentações. “Quando nos foi feita inicialmente denuncias, foram pontuadas algumas condutas deste servidor. Coletamos algumas informações, e entendemos por necessária a prisão temporária dele para que não houvesse interferência. Assim podemos verificar de uma maneira mais ampla se essas situações irregulares estão existindo ou não. No momento estamos em uma fase indiciaria e seria precipitado dizer que fulano a, b ou c é culpado ou está envolvido em qualquer fraude ou irregularidade” assinala Tozatte.

Com relação às documentações apreendidas, Tozatte diz que serão analisadas o mais rápido possível, e que não interferiram nos andamentos dos trabalhos da Prefeitura.  “Em uma ou  duas semana os documentos serão todos devolvidos. Nos organizamos bem, é uma investigação que já ocorre a cinco meses e desde então pensamos em como fazer essas analises de forma a não prejudicar o andamento do trabalho do pessoal aqui da Prefeitura”, esclarece o promotor.

A Prefeitura de Ivaiporã emitiu nota informando que em virtude da transparência e legalidade que tem definido os rumos da atual gestão,  atendeu todas as solicitações do Fórum e da Promotoria de Justiça da Comarca, entregando documentos referentes às compras e empenhos dos últimos dois anos. Considerando que o procedimento em andamento foi realizado sob segredo de justiça, aguardara as conclusões do MP, para emitir esclarecimentos sobre eventuais casos concretos, prestando todas as informações aos munícipes. Segundo o prefeito, o poder executivo está tranquilo em relação aos acontecimentos.

“Desde o inicio da nossa gestão primamos pela transparência e lisura. Estamos à disposição justiça e se for confirmada alguma irregularidade praticada por qualquer servidor, que ele responda por isso”, completa Miguel Amaral.